• Da Redação

Ação judicial recolhe 39 cães e 30 gatos de residência no centro de Cachoeira

Uma ação judicial desencadeou o recolhimento de 39 cães e 30 gatos na tarde desta terça-feira, 27 de abril, na região central de Cachoeira do Sul. O mandado de busca e apreensão, expedido pela Segunda Vara de Cachoeira do Sul, foi cumprido por dois oficiais de justiça, seis policiais militares da Patram e cinco servidores da Secretaria Municipal do Meio Ambiente.


A tutora dos animais foi autuada por omissão de cautela na guarda ou condução animal por se tratar do acúmulo de animais em um mesmo espaço. "Não foi relatada situação de maus tratos e a tutora concordou em entregar os animais", explicou o secretário Geraldo Fogliarini. Ainda segundo o secretário, a Patram acompanhou a ação por se tratar do cumprimento de uma ação judicial que encerrou uma situação que se arrastava por muitos anos.

Os animais foram recolhidos ao Cempra para acompanhamento veterinário e posterior destinação à adoção. A prática de recolher ao Cempra não é comum, mas foi necessária neste caso por se tratar de uma situação de saúde pública. "O procedimento rotineiro quando recebemos denúncias é a notificação do proprietário que mantém a guarda dos animais e passa ter essa posse monitorada por equipe veterinária e de educação ambiental da Secretaria Municipal de Meio Ambiente", explicou Geraldo.

Foto: Ascom Prefeitura

Tchê Peq..png