• Da Redação

Alessandro Rosa: Ensinando a fazer a diferença

“Eu tenho apenas onze funcionários. Só queria que meu pessoal se importasse um pouco com os negócios, se preocupasse um pouco em fazer nossos clientes felizes e se preocupasse em ter orgulho de seus empregos. ” Embora Luiz possua uma pequena empresa, com apenas alguns funcionários, sua expectativa é na verdade algo comum que escuto de líderes de todos os tamanhos de empresa.


Aqui está a dura verdade. Você não pode fazer as pessoas se importarem. Porém, você pode fornecer todos os elementos certos que os inspirem a escolher a se preocupar com seus negócios, sua equipe e seu trabalho. Separei quatro coisas que descobri por meio de pesquisas sobre líderes de sucesso que podem ser útil em seus resultados.


1. Preocupe-se e compartilhe primeiramente com seus funcionários: Por mais simples que pareça, muitos líderes, mesmo quando se preocupam com seu pessoal, nem sempre são muito bons em compartilhar essa apreciação. Seu pessoal não se importará com sua empresa ou com seus objetivos, a menos que você se importe com eles e com os objetivos deles primeiros.


2. Torça pela equipe:Muitos gerentes ficam confusos com a diferença entre apreciação e incentivos. Os incentivos são uma transação - se você realizar abc receberá xyz. A apreciação, por outro lado, não se concentra apenas no resultado. Em vez disso, é um reconhecimento da intenção de uma pessoa, suor e trabalho duro, e seu resultado. Quando esforços e resultados são reconhecidos, os funcionários demonstram maior confiança em suas habilidades, entendimento de que estão no caminho certo e em boa posição com seu supervisor e criando com ele um ótimo relacionamento.


3. Seja claro sobre seus valores: Os funcionários querem saber exatamente o que você valoriza e aprecia. A maioria de nós provavelmente já viu valores corporativos pendurados nas paredes da sala de reuniões. Eles são tipicamente bastante monótonos. Em vez de frases suaves e esquecíveis, considere escolher palavras de impacto que mostre a essência da empresa.


4. Ensine-os a fazer a diferença: Mostre a eles que foram contratados por uma empresa na qual acredita que suas habilidades e experiências terão impacto, onde seus pensamentos e esforços farão uma diferença profunda. Inspire-os a se tornarem a melhor versão de si mesmos.


Embora possa parecer frustrante não podermos fazer com que as pessoas se importem com nossas empresas, nossos objetivos, nossos clientes, nossas equipes ou até seus próprios empregos, devemos dar-lhes motivos para cuidar de nossa empresa. Quando eles se importam, alcançam um nível que supera tudo o que poderíamos imaginar.



Foto: Divulgação

1/1156