• Da Redação

Aline da Rosa | Infiltrações: Causas e Soluções



Quem nunca sofreu com os problemas causados por infiltrações na sua casa ou local de trabalho, é um sujeito de sorte!


Simplesmente, quando nos damos conta, percebemos aquela mancha escura na parede ou no teto. E nos períodos mais frios, onde os ambientes ficam mais fechados e consequentemente, menos ventilados e recebem menos luz solar aí que essa macha se torna mais aparente, escura e dependendo do caso pode até fazer com que a pintura, massa corrida, azulejos ou mesmo o reboco venham a se desprender aos poucos. Fora os danos estéticos, esse tipo de problema pode ter reflexo na saúde daqueles que ocupam esse espaço, trazendo o agravamento de problemas respiratórios.



POSSÍVEIS CAUSAS:

Antes de saber o que fazer para resolver esse tipo de problema, temos que investigar a causa e aí sim, decidir a melhor forma de resolvê-lo ou, ao menos, ameniza-lo. Para tanto é preciso estar atento aos sinais que a edificação apresenta, além disso toda construção exige manutenção periódica.


As causas de infiltrações e consequente umidade podem ter duas origens básicas, que são:



PROBLEMAS CONSTRUTIVOS:

· Falta ou má impermeabilização das vigas de baldrame da edificação. Esse é um ponto fundamental em que muito se peca, é imprescindível que o produto impermeabilizante (hidrofugantes ou hidrorrepelentes, etc..) seja aplicado conforme indicação do fabricante e nas três faces da viga. Toda parte de fundações, alicerces não é momento para “poupar” produto, isso pode evitar muitas dores de cabeça no futuro, além do que um problema gerado na construção da casa, dificilmente poderá ser solucionado em 100%, geralmente o que se consegue é amenizá-lo a um custo várias vezes maior que se tivesse havido um cuidado maior na hora da construção propriamente.



· Parede na Divisa: Outro ponto que deve ser considerado na hora de construir, são as paredes feitas na divisa. Na intenção (ou mesmo necessidade) de aproveitar melhor o terreno, se constrói na divisa. Esse é um ponto que deve ser decidido com muito cuidado, visto que se você vier a ter algum problema de infiltração, invariavelmente dependerá do seu vizinho e da sua boa vontade para resolvê-lo.

Principalmente se o seu terreno ficar em uma cota inferior ao lote lindeiro, há que

considerar que a água da chuva sempre desce e acumula na sua parede, o que pode resultar em sérios problemas de infiltração.


· Drenagem: Se o terreno for muito úmido ou alagado, antes de iniciar a construção, deve ser feito um trabalho específico para coletar e desviar a água por um sistema drenante.



FALTA DE MANUTENÇÃO:

· Calha entupida

· Telhas quebradas

· Vazamentos


COMO SOLUCIONAR

Depois que você descobriu o que está causando a infiltração então você pode começar a solucionar. Casos de falta de manutenção são os mais simples de resolver, primeiro há que sanar a origem do problema. Já os problemas que tem como fonte um erro gerado durante a construção são mais difíceis de serem eliminados, porem pode ser feito um trabalho que amenize bastante esses efeitos.



Uma solução bastante adotada nesses casos em que a umidade vem do solo, é tirar totalmente o revestimento da parede até alcançar o tijolo, deixar aquela parede ventilar e enxugar ao máximo e aplicar impermeabilizante diretamente sobre os tijolos e depois rebocar novamente.


É um processo que deve ser feito em um período seco e requer tempo para que aquela parede “respire” e seja coberta novamente. Além disso não há garantia que não volte a surgir umidade dentro de alguns anos, principalmente se esse ambiente não receber ventilação e se sobre o reboco for aplicada massa corrida, que é um material que sela completamente.



O assunto é bastante extenso, e certamente surgirão dúvidas, as quais peço que não deixem de fazê-las, assim como seus comentários.

Ótimo final de semana a todos!


Aline da Rosa

Tchê Peq..png