• Da Redação

Animais mortos são atirados em sanga no Bairro Noêmia

No último dia 8 de maio o Fatos 24h publicou um vídeo com a reportagem falando sobre uma sanga na Rua Heitor Ferreira Martins no Bairro Noêmia, que necessita da colocação de 25 canos, para concluir a canalização de uma sanga que corre por meio da quadra, atingindo diversas família que moram nas proximidades do local. No último domingo, 24, começaram a aparecer diversos animais mortos nesta sanga, cães, gambás e ratos, dentre outros. Este fato, vem preocupando ainda mais os moradores do local. "Todos os dias aparecem mais animais mortos por aqui, temos crianças pequenas em casa, temos medo de que algo possa acontecer a elas", afirmou um morador.


Inundações


Segundo os moradores toda a vez que chove forte no local, a sanga transborda e por muitas vezes chega a invadir as residências do local. "A cada chuva forte, ficamos preocupados, primeiramente por que a água invade nossas casas, depois por causa das doenças que a água desta sanga trás para dentro de nossas residências", afirmou.


Risco à saúde


O grande medo dos moradores do local é a leptospirose, uma doença infecciosa febril aguda que resulta da exposição direta ou indireta a urina de animais (principalmente ratos) infectados pela bactéria Leptospira; sua penetração ocorre através da pele com lesões, pele íntegra imersa por longos períodos em água contaminada ou através de mucosas. "Aqui moram muitas crianças pequenas nas proximidades, nossa preocupação primeiramente é para com elas, não queremos nossos filhos doentes", concluiu o morador.



Foto: Divulgação

Banner para site-1.png