• Da Redação

Aos 72 anos, aposentada viraliza nas redes sociais após virar bixo da UFSM

Quase 60 anos depois de ter interrompido os estudos, a aposentada e mais nova aluna da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) Edicleia de Arruda Zanini, 72 anos, vai realizar o sonho de fazer um curso superior. Na última sexta-feira, 27, ela teve a grata surpresa de ver seu nome na lista dos aprovados para licenciatura em Letras — Português no polo de educação a distância em Restinga Seca, a 50 quilômetros de Santa Maria, na Região Central.


E a descoberta de que o seu nome estava na lista dos aprovados foi quase que "por acaso". Depois de alguns dias sem olhar o portal, recebeu a notícia ao chegar na casa de uma das filhas.


— Fui na casa da minha filha e quando cheguei ela me mostrou o celular. Estava sem óculos e só consegui enxergar sobrenome Zanini. Perguntei o que era aquilo e aí ela disse: "Tu passou, mãe". Foi uma surpresa, comecei a chorar, foi uma emoção muito grande — conta.


Edicleia conta que parou de estudar aos 14 anos, depois de ter concluído o Ensino Fundamental. Ela precisava ajudar nas despesas da casa dos pais fazendo costuras e outras tarefas. Depois, acabou casando e se dedicou à criação dos três filhos, hoje duas professoras e um major do Exército.


— Eu me preocupei com a vida deles, em cuidar deles, fazerem eles estudar. Agora, estou sozinha, moro sozinha, e pensei que tinha que fazer um pouco mais de coisas por mim. Como me aposentei, não poderia ficar só em casa parada, tinha que fazer alguma outra coisa — explica.


Em 2013, Edicleia decidiu concluir o Ensino Médio pela modalidade de Educação de Jovens e Adultos (EJA). Após isso, precisou esperar um pouco para tentar a tão desejada graduação por conta da luta contra um câncer no sistema linfático. Então, em outubro, viu o edital da UFSM, efetuou a inscrição e fez a prova de redação. Foi aprovada em segundo lugar.


Foto: Divulgação


Com a matrícula já feita, nesta terça-feira, 1º, ela tem a primeira atividade, uma aula de apresentação. Após a formatura, Edicleia ainda não sabe se tentará dar aulas, mas tem certeza que vai se sair ainda melhor nos seus poemas, já que escrever é uma das suas paixões.


— Sou aposentada, não tenho planos em trabalhar agora de novo, mas o meu plano é adquirir conhecimento — destaca.


A comemoração pela aprovação foi postada por uma das suas netas em uma rede social e viralizou depois de ser compartilhados por perfis conhecidos e com muitos seguidores.


Fonte: GauchaZH


Banner para site-1.png