• Da Redação

Após auxílio emergencial, governo anuncia Renda Cidadã

Nesta segunda-feira, 28 de setembro, o governo federal anunciou a criação do programa Renda Cidadã. Conforme o senador Márcio Bittar (MDB-AC), o objetivo é atender a milhões de brasileiros que, a partir de janeiro, com o término do pagamento do auxílio emergencial, não terão do que sobreviver. O novo programa social Renda Cidadã deve ser apresentado ao Congresso dentro da PEC emergencial. O financiamento do novo programa não deve furar o teto de gastos, segundo garantiu o governo federal. Ainda não foi informado o valor do benefício ou quando deverá começar a ser pago.



A criação de um novo programa social para substituir o Bolsa Família já estava na pauta de Bolsonaro. Inicialmente, o programa se chamaria Renda Brasil. O presidente planejava que o benefício tivesse o valor de R$ 300. Mas para chegar nessa cifra, deveriam ser feitos cortes em outros benefícios sociais, o que desagradou Bolsonaro. O relator da PEC emergencial, senador Márcio Bittar (MDB-AC), disse que o Renda Cidadã vai ser financiado, em parte, com recursos do Orçamento previstos para o pagamento de precatórios.


Foto: Divulgação


1/1157