• Lenon Quoos

Após nove semanas, RS volta a emitir Avisos no Sistema 3As de Monitoramento da pandemia

Após nove semanas, o Rio Grande do Sul voltou a registrar piora relacionada ao quadro da pandemia de coronavírus. Conforme o governo estadual, todas as 21 regiões Covid receberam Aviso no Sistema 3As de Monitoramento.


Ainda segundo o governo estadual, a decisão do Grupo de Trabalho (GT) Saúde correu por conta do aumento de casos confirmados de Covid-19, que praticamente duplicaram em território gaúcho nos últimos dez dias. Entre 7 e 17 de maio, a incidência acumulada passou de 113,7 a cada 100 mil habitantes para 223,2.


Além disso, o aumento de infecções refletiu em um crescimento de 47% no número de leitos clínicos ocupados entre suspeitos e confirmados com a doença em uma semana. No período, o número de pacientes nessa condição subiu de 339 para 521, entre 9 e 18 de maio.


Já o número de internados em UTIs em razão da Covid-19 segue estável. Contudo, o GT Saúde espera um aumento, nos próximos dias, das internações em leitos de alta complexidade em decorrência da enfermidade. Por conta disso, o órgão pode sugerir aos comitês regionais uma reavaliação sobre o uso de máscaras em ambiente fechado.


Vacinação

Para evitar o aumento do contágio, o governo reforça a importância de que a população busque a dose de reforço da vacina contra a Covid-19. Cerca de 79,7% da população residente no Rio Grande do Sul está com o esquema vacinal primário, ou seja, com as duas doses, completo, mas apenas 50,4% tomou a dose de reforço, que serve para completar o esquema vacinal.

Foto: Divulgação

Banner para site-1.png