top of page
  • Foto do escritorDa Redação

Balsa Deusa do Jacuí volta a operar nesta sexta após pagar por conserto da Rua Moron


Imagem: Fatos 24h.


Com as reclamações dos caminhoneiros após a suspensão da travessia da balsa Deusa do Jacuí nesta terça-feira, 2 de janeiro, no trecho Moron/Praia Nova do Rio Jacuí, em Cachoeira do Sul, finalmente a Prefeitura em parceria com a empresa Estaleiro Naval Couto, dona da balsa, realizou intervenções no trecho afetado com o objetivo de voltar a assegurar a travessia aos veículos de grande porte.


O serviço havia sido suspenso devido a precariedade da Rua Moron após a enxurrada que ocorreu em Cachoeira no dia 22 de dezembro, que com a força da água, arrancou paralelepípedos da via, danificando o calçamento, que não recebeu melhorias por parte da Secretaria desde então. Pelo menos três pontos da descida da Moron em estado crítico, com buracos, canos expostos e pedras soltas.


O secretário de Obras Telmo Bauer informou que a Secretaria de Obras fez uma parceria com a empresa proprietária da balsa e o serviço já está sendo feito. Os servidores da secretaria retiraram as pedras. A proprietária da balsa ficou responsável por custear os calceteiros para recolocar as pedras.


A Prefeitura cedeu uma retroescavadeira para fazer a remoção dos paralelepípedos.


Conforme informações obtidas pela reportagem do Fatos 24h no início da noite desta quinta-feira, 4, o problema do acesso já foi resolvido e a balsa Deusa do Jacuí voltará a realizar a travessia nesta sexta-feira, 5 de janeiro, entre as 6h e as 20h.

bottom of page