• Lenon Quoos

Banco Central identifica 1.370 brasileiros com valores acima de R$ 100 mil esquecidos

A julgar pela análise do Sistema de Valores a Receber (SVR) do Banco Central, o brasileiro anda meio esquecido com o dinheiro que tem em contas bancárias ou demais instituições financeiras. Não bastasse o caso do cliente que sacou R$ 1,65 milhão que estava “esquecido” em cotas de consórcio, a autoridade monetária identificou 1.370 contas com valores acima de R$ 100 mil cada disponíveis para saque.


De acordo com boletim do Banco Central (BC), isso equivale a 0,004% do total, mas soma R$ 298,4 milhões que serão disponibilizados. Há casos em que um só CPF pode ter mais de um valor para resgate, o que explica a quantidade total na tabela informada pelo Banco Central (32,7 milhões de casos) ser maior do que o número de pessoas físicas beneficiadas (27,5 milhões).


Entretanto, a maioria dos valores disponíveis para saque está entre R$ 0 e R$ 1. São cerca de 14 milhões de casos com essa faixa, que representam 42,7% do total de valores a receber, e que somadas representam uma total de R$ 5,1 milhões.

Foto: Divulgação


Banner para site-1.png