• Da Redação

Cachoeira será beneficiada com máquinas para o interior pela Secretaria Estadual de Obras

A Secretaria de Obras e Habitação iniciou o repasse de R$ 11,1 milhões para a perfuração de poços e o pagamento de horas-máquina a municípios do interior. O anúncio foi realizado pelo secretário José Stédile, durante apresentação do balanço do enfrentamento e prevenção à estiagem no Rio Grande do Sul. No total, o governo do Estado já empregou R$ 23,1 milhões para mitigar os danos causados pelos meses de seca, entre final de 2019 e o começo de 2020.


O governo do Estado já iniciou o repasse de R$ 5,6 milhões para 56 municípios para o pagamento de horas-máquina visando a recuperação e manutenção de estradas, além do desassoreamento de rios e riachos. Com recursos do Tesouro-livre do Estado, estão sendo repassados R$ 100 mil para cada município, com impacto de 25 mil famílias beneficiadas. “A sensação é de dever cumprido. Além da agenda normal de atividades, o governo do Estado está sempre atento para auxiliar os municípios nas demandas pontuais e emergenciais, como no caso de enchentes, temporais e estiagens”, pontuou José Stédile.


Municípios contemplados

Horas-máquina em 56 municípios:

Aceguá, Agudo, Amaral Ferrador, Arroio do Padre, Arroio dos Ratos, Barão do Triunfo, Barra do Ribeiro, Butiá, Caçapava do Sul, Cacequi, Cachoeira do Sul, Camaquã, Candelária, Cerrito, Cerro Branco, Cerro Grande do Sul, Chuvisca, Dilermando de Aguiar, Dom Feliciano, Encruzilhada do Sul, Formigueiro, Herval, Jaguarão, Jaguari, Lavras do Sul, Maçambara, Manoel Viana, Mariana Pimentel, Mata, Minas do Leão, Morro Redondo, Mostardas, Novo Cabrais, Novo Hamburgo, Passo do Sobrado, Pantano Grande, Paraíso do Sul, Pedro Osório, Pelotas, Pinheiro Machado, Restinga Sêca, Santa Margarida do Sul, Santa Maria, Santiago, São Francisco de Assis, São Jerônimo, São João do Polêsine, São Pedro do Sul, São Sepé, São Vicente do Sul, Sertão Santana, Silveira Martins, Tapes, Tavares, Turuçu e Vera Cruz.

Foto: Divulgação

Tchê Peq..png