• Da Redação

Cachoeira tem saldo positivo de 124 postos de trabalho em Julho

O Ministério do Trabalho divulgou nesta quinta-feira, a atualização do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados. Com a inclusão das informações relativas a julho – mês mais atual da apuração do Caged, o Município alcança 3.451 admissões e 2.621 desligamento nos sete primeiros meses do ano.


Ou seja, um saldo de 830 postos de trabalho com carteira assinada em 2021. Em comparação ao mesmo período de 2020, o total de contratações mais que dobrou, uma vez que foram 1.605 admissões entre janeiro e julho. Com 1.773 demissões, o saldo negativo em 168 vagas extintas.


Em julho, Cachoeira do Sul gerou 124 postos de trabalho: 437 contratações e 313 desligamentos no mês.


ESTADO

O Rio Grande do Sul registrou mais mais contratações do que demissões pelo sétimo mês consecutivo. Em julho, o Estado abriu 14,7 mil vagas de emprego com carteira assinada, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados divulgados pelo Ministério do Trabalho e Previdência nesta quinta-feira (26). O número é o resultado entre 106.501 admissões e 91.751 demissões no mês. O desempenho é ligeiramente melhor do que o registrado em junho, quando o RS teve saldo positivo de 11.229 postos, segundo dados ajustados nesta quinta-feira. Já em julho do ano passado, em meio às tentativas de retomada após os efeitos mais graves do avanço da pandemia de coronavírus no país, o Estado abriu 1.291 vagas.

No acumulado do ano, o RS registra a geração de 107.563 vagas de emprego formal. Já no período de 12 meses, entre agosto do ano passado e julho de 2021, o saldo positivo está em 183.264.


BRASIL

O Brasil registrou um saldo de 316.580 novos trabalhadores contratados com carteira assinada em julho de 2021. O saldo é o resultado de um total de 1.656.182 admissões e 1.339.602 desligamentos. De acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Novo Caged) divulgado hoje (26) pelo Ministério do Trabalho, o salário médio de admissão caiu 1,25% na comparação com o mês anterior, situando-se em R$ 1.801,99.


No acumulado do ano, o país registra saldo de 1.848.304 empregos, decorrente de 11.255.025 admissões e de 9.406.721 desligamentos.

Foto: Divulgação

Banner para site-1.png