• Lenon Quoos

Cachoeirense precisa de ajuda financeira para fazer cirurgia no esôfago com urgência

Faz mais de três meses que o cachoeirense Elisandro Bilhão, 44 anos, está em uma situação de saúde delicada, em decorrência de complicações após ter contraído o coronavírus. Enquanto estava internado e entubado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital de Caridade e Beneficência (HCB), o paciente teve um problema e não pode se alimentar e nem tomar mais água em razão de que a traqueia se fechava, fazendo com que o ar faltasse e precisasse passar por sessões do procedimento de "raspagem" para poder respirar.


Devido ao caso, a família solicitou um pedido para realizar essa cirurgia, só que em Cachoeira, a saúde não dispõe dos materiais específicos para realizá-la. "Precisamos de uma ajuda para conseguir o leito em algum lugar no Rio Grande do Sul, pois essa cirurgia custa R$ 41 mil e não possuímos esse valor. Nosso pedido é que o máximo de pessoas se mobilizem para conseguir um leito para o meu pai poder fazer a cirurgia e voltar a sua rotina normal", ressalta o seu filho, Mateus Bilhão.


Mateus enfatizou ainda que devido ter contraído a COVID-19, o seu pai ficou internado na UTI por longo tempo e devido ao aparelho que foi em sua garganta para ajudar a respirar. "O pai teve um problema de infecção na garganta e precisa urgentemente de cirurgia, só que esta difícil de conseguir a mesma. Ele já está curado da COVID-19, no entanto têm de ficar no hospital para ser alimentado por sonda. Peço, encarecidamente para quem poder ajudar com qualquer valor em dinheiro ou até mesmo compartilhando a publicação que fiz no Facebook. Preciso da ajuda de todos! Como meu pai ficou hospitalizado e entubado por mais de quatro meses, o seu esôfago foi perfurado e hoje, infelizmente, precisa fazer uma cirurgia de reparação urgente. Não estou conseguindo vaga nos hospitais da região, já que no HCB não fazem esse tipo de cirurgia", pontua o filho.


"Estamos passando privações financeiras, pois meu pai está sem poder trabalhar. Preciso urgentemente de ajuda, que Deus possa tocar os corações de vocês para que se sensibilizem com a minha situação doando qualquer valor. Infelizmente ele corre risco de vida, já que não pode respirar e nem se alimentar sem aparelho. Qualquer valor será bem vindo!", finaliza Mateus.


Pix: 957.541.480.20

Número da conta: 0459. 1288. 869454266-6

Endereço: Gregório da Fonseca 1168 bairro Tibiriçá



Banner para site-1.png