• Lenon Quoos

Candidato à prefeitura pelo Podemos, Cleber Cardoso afirma que Faps têm solução

O atual vice-prefeito e candidato à prefeito de Cachoeira do Sul pelo Podemos nas Eleições 2020, Cleber Cardoso, afirma que decidiu se candidatar por amor à sua terra natal, onde também possui seus familiares e empresa comercial. “Acredito em Cachoeira, vejo um potencial enorme na nossa cidade, o qual pude observar pela trajetória política que já possuo. Passei pela Câmara de Vereadores duas vezes, fui secretário do governo também por duas vezes e agora encerrando o mandato como atual vice-prefeito, deu para ver que podemos evoluir e melhorar a qualidade de vida dos cachoeirenses”, ressalta.


Ele explica que o seu candidato a vice-prefeito, Rafael Quadros, o acompanha há três anos na montagem do programa de governo da candidatura que está sendo apresentado nesse ano. “Nesses últimos 10 anos, trabalhei, me qualifiquei, me formei em Gestão Pública. Somente experiência política não serve, o exemplo esta aí. É necessário o conhecimento técnico para administrar corretamente a cidade”, destaca.


Segundo Cleber, a população está cansada de promessas. “O nosso plano de governo mostra isso. É composto por sete páginas, da capa até o final, ou seja, é realista, viável e estruturado em cima das possibilidades. Tenho visto plano de governo com 200 páginas. A estratégia é justamente mostrar que somos objetivos naquilo que pretendemos para a nossa cidade. Chega de enrolações e promessas, precisamos de desenvolvimento”, explica.


O candidato a vice-prefeito, Rafael Quadros é empresário, administrador de empresas e consultor empresarial. Um dos focos dos candidatos é o investimento em startups no município, que são empresas emergentes com o objetivo de desenvolver ou aprimorar modelos de negócios inovadores. “Ele tem me ajudado nessa questão de tecnologia, investimento e inovação, pois sabemos que é a realidade atual. Por Cachoeira ser atualmente um polo educacional, montamos esse programa junto com algumas universidades para que possamos transformá-las em incubadoras para receber as startups”, destaca Cleber.


Outro foco de investimento no município são as agroindústrias. “Também vamos atrás de grandes empresas e indústrias, precisamos gerar empregos. Mas não podemos esquecer que precisamos acolher e dar atenção às empresas que já estão. Nossa Prefeitura precisa estender a mão para o agronegócio por exemplo, que é o nosso grande carro chefe na cidade atualmente”, avalia o candidato.


Sendo apenas vice-prefeito, que tem a função de substituir o prefeito quando o mesmo não estivesse, Cleber diz que sempre foi proativo. "Até onde pude assumi secretarias, abracei problemas da população e busquei investimentos", salienta.


Faps - Para Cleber, o Faps possui solução. “Temos três etapas para objetivas e práticas para resolver esse problema. Primeiro precisamos pagar o valor aceitável necessário para estancar a sangria do fundo, de onde é retirado mais de 1 milhão por mês para complementar a folha. Resolvemos pagando e existe dinheiro para isso. O que precisa é um ajuste das contas, economizar, cobrar de quem está devendo. Gestão financeira é a solução para o Faps. Em segundo devemos pedir a revisão do cálculo atuarial e à longo prazo discutir a longevidade do plano com toda a classe do executivo e legislativo. Hoje as contas não fecham, a Prefeitura gasta bem mais do que arrecada”, afirma o candidato.


Cleber diz que só conseguiria aplicar os objetivos e resoluções em uma campanha autônoma e, justamente por isso é que está concorrendo ao pleito, já que como vice-prefeito não possui mais autonomia.


Diário Oficial - O plano de governo menciona também a adoção do Diário Oficial Eletrônico como benéfico economicamente para o município e enquadra no tópico de gestão de resultados. “O Diário Eletrônico será prioridade e vamos colocar em prática, pois é economia. A população precisa de objetividade e resolução dos problemas. A Prefeitura é reativa, vem apagando incêndios. Nós pensamos que ela deve ser proativa, ou seja, deve se antecipar aos problemas”, frisa Cleber.


O candidato destaca ainda que Secretaria Municipal e Agricultura e Pecuária será um pilar de desenvolvimento do município. “Hoje não temos um secretário de agricultura. A agricultura é quem está segurando o município nos últimos anos, portanto precisamos investir em tecnologia e inovação para o homem do campo”, ressalta.


Transporte público – Para o candidato, deve ser aberto novamente o processo e buscar uma equipe técnica que de fato, analise-o. Essa questão também é prioridade, deve sair o quanto antes, pois a população necessita desse serviço”, pontua Cleber.

Foto: Divulgação

1/1176