top of page
  • Foto do escritorDa Redação

Chuva perde força, mas enchente não deve cessar neste fim de semana em Cachoeira

A instabilidade começa a perder intensidade no final de semana no Rio Grande do Sul. Após uma chuva histórica, que causou estragos e enchentes em grande parte do território gaúcho, incluindo Porto Alegre, a precipitação aos poucos diminui. No sábado (4), uma área de baixa pressão atmosférica desloca-se do interior do continente em direção à costa e, associada à umidade que vem do norte do País, o tempo continua instável no Estado. A projeção é que as precipitações, que já deixaram 39 mortos, 68 desaparecidos e milhares de desabrigados, só comecem a perder força no domingo, 5, e que o sol e calor voltem a predominar no território gaúcho na semana que vem.


Entre sábado (4/5) e domingo (5/5), as pancadas de chuva vão continuar ocorrendo, mas devem perder força gradativamente. Ainda assim, o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) mantém o alerta vermelho, com indicação de “grande perigo”, ativo.


No domingo (5), a chuva começa a perder força no território gaúcho. Ainda ocorrem algumas pancadas de chuva, porém, com menor intensidade. O ar quente que atua no interior do País avança sobre o RS, elevando a temperatura em todo o Estado. Na Fronteira Oeste, na Campanha e no Sul, a condição será de tempo nublado, chuva e poucas aberturas de sol, no entanto, sem temporais.


Nas Missões, na Região Central, nos Vales, na Serra e na Região Metropolitana, regiões mais afetadas pelas enchentes, o sol predomina ao longo do dia, com possibilidade de pancadas de chuva. À noite, o tempo volta a ficar firme.


Na segunda-feira (6), o tempo volta a ficar firme em grande parte do RS. Chove somente na Fronteira Oeste, na Campanha e no Sul, com a aproximação de uma nova frente fria.


EM CACHOEIRA

O final de semana terá tempo instável, com garoa ao longo do dia no sábado e pancadas de chuva no domingo. Em Cachoeira do Sul, os termômetros variam de 15°C a 23°C no sábado e de 19°C a 26°C no domingo.


PREVISÃO EM CACHOEIRA





ERS 403.


Comments


bottom of page