top of page
  • Lenon Quoos

Chuva segue no sábado e sol chega no domingo em Cachoeira

A Defesa Civil emitiu um alerta em função do Aviso Hidrometeorológico – 212 emitido pela Sala de Situação Sema/RS com possibilidade de chuva intensa com risco de transtornos em parte do Estado em decorrência de um ciclone extratropical.


A Defesa Civil de Cachoeira do Sul, em razão do alerta o qual colocou suas equipes em nível 4 de Operação, acionou todas as Secretarias Municipais para estarem aptas a atuarem em caso de emergência ou ocorrência no Município. O 3° Batalhão de Engenharia e Combate, 13 ° Grupo de Artilharia de Campanha, Corpo de Bombeiros, Brigada Militar, Polícia Rodoviária Estadual e 2° Batalhão Ambiental, também monitoram a evolução do evento para agir em caso de necessidade.


O monitoramento realizado entre a Defesa Civil Municipal e Estadual é realizado diariamente através de boletim e contato telefônico monitorando a situação de rios e barragens e a evolução do evento adversos através da Sala de Situação.


Entre a sexta-feira e o sábado, 7 e 8, com a formação de uma frente fria dando origem a um ciclone extratropical próximo ao litoral, atentamos para as chuvas intensas e volumosas entre o Centro e o Leste gaúcho, podendo trazer transtornos associados aos elevados volumes e também com risco de cheias.


Na madrugada e manhã do sábado, 8, as chuvas continuam sobre o Estado, seguindo intensas, com moderada a forte intensidade entre o Centro, Vales e Leste gaúcho, devido à formação de um ciclone extratropical próximo ao Litoral Norte. Os volumes devem variar entre 50 e 70 mm/dia nessas áreas. Com a atuação desse sistema, os ventos ganham força, soprando constantes e com velocidades dos 70 aos 90 km/h nas áreas do Leste e Nordeste do Rio Grande do Sul. Com isso, o mar também ficará agitado, trazendo risco para ressaca.


Tendência: no domingo, 9, com o afastamento do ciclone, o tempo firme volta a predominar sobre o Rio Grande do Sul e as temperaturas entram em declínio. Os acumulados previstos ao final do evento devem ficar entre 80 e 120 mm, e pontualmente 150 mm.

Condições hidrológicas A condição hidrológica nos principais rios do estado é de níveis normais. Em virtude da previsão de precipitações volumosas no oeste, centro e leste do estado, ocorrerão respostas hidrológicas nessas regiões, com elevações significativas em córregos, arroios, rios de menor ordem e nos rios principais. Enxurradas podem ocorrer nos trechos de rio de menor ordem e onde as chuvas apresentarem maior intensidade (volume elevado em um curto espaço de tempo). Assim é indicada a condição de alerta para as bacias do Ibicuí, Quaraí, Vacacaí-Vacacaí Mirim, Jacuí, Caí, Sinos, Gravataí, Litoral Médio, Tramandaí e Mampituba.


PREVISÃO PARA CACHOEIRA

Riscos, medidas preventivas e ações de resposta:

- INUNDAÇÃO: os altos volumes pluviométricos podem causar elevação do nível de rios e arroios, atingindo residências, estradas e pontes. O nível do Rio Jacuí está em média com 15,45 m (2,55m abaixo do nível normal). Em caso de observação de elevação do nível de rio e arroio organizar os materiais para remoção, documentos, roupas móveis e utensílios, e acionar auxílio; em caso de pontes ou estradas inundadas não atravessar, buscar outro caminho que seja seguro e informar a Defesa Civil.

- ENXURRADA: chuva intensa em um curto período pode causar colapso na drenagem pluvial e a água invadir pátios, residências e ruas bem como entupir calhas causando infiltrações. População deve em período seco antes da ocorrência do evento revisar bueiros internos e externos e calhas a fim de realizar limpeza preventiva. Caso o evento ocorra, evitar subir em telhado com chuva ou úmido para evitar quedas, desligar o disjuntor de luz, evitar o contato com a água e acionar auxílio.

- SOLAPAMENTO DE MARGEM / MOVIMENTAÇÃO DE MASSA: em caso de movimentação de terra próximo a residências localizadas em margens de rios e arroio ou em encostas evacuar imediatamente a residência e solicitar auxílio.

- RISCO DE QUEDA DE ÁRVORES: chuvas intensas podem ser seguidas de vento e isto pode ocasionar a queda de árvores e galhos, evite permanecer ou estacionar veículos sob árvores de grande porte, em caso de ocorrência solicite auxílio, em queda sobre residências desligue o disjuntor da luz e evacue a residência.

- QUEDA DE REDE ELÉTRICA, CABOS OU POSTES: não se aproxime, se possível sinalize o local, avise os órgãos de segurança, e comunique imediatamente a prestadora de serviço se possível com o código de cliente. Celetro: (51) 3722 0900 – RGE: 0800 970 09 00

- DESTELHAMENTO DE RESIDÊNCIAS OU COLAPSO DE EDIFICAÇÕES: evacue o imóvel imediatamente e busque abrigo em local seguro, se possível desligue o disjuntor de luz e feche o registro de água.

Contatos para a solicitação de auxílio em caso de emergência DEFESA CIVIL: (51) 995358310 – Fone/WhatsApp – se possível enviar WhatsApp com nome completo, endereço, localização e imagens da ocorrência. CORPO DE BOMBEIROS: 193

SAMU: 192

CELETRO: (51) 3722 0900

RGE: 0800 970 09 00

Aviso Hidrometeorológico – 212 (Elaborado em 6/07/2023 – Válido até 8/07/23) Formação e avanço de uma frente fria que dará origem a um ciclone extratropical próximo à costa gaúcha.




bottom of page