top of page
  • Lenon Quoos

Conselho da UFSM aprova volta do vestibular e processo seletivo seriado para a graduação

O Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Cepe) da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) aprovou nesta quarta-feira, 5 de abril, resolução que regulamenta novas formas de ingresso aos cursos de graduação da instituição. A nova resolução propõe que, além do Sistema de Seleção Unificado (SiSU) e de outras formas de ingresso já tradicionais, a Universidade passe a adotar o Processo Seletivo Seriado (PSS) e o vestibular presencial.


Também haverá processos seletivos específicos para ingresso de pessoas de comunidades quilombolas; com 60 anos ou mais; atletas de alto rendimento; estudantes medalhistas em competições de conhecimento; pessoas transgênero; pessoas com deficiência provenientes de escolas privadas; entre outros.


A sessão do Cepe, que havia sido suspensa na última quinta-feira, 30, após a ocupação da Sala dos Conselhos por manifestantes, teve continuidade com a leitura do parecer de vista, encabeçado pelo DCE, que solicitou que fosse retirado da minuta o retorno do PSS e do vestibular, e do parecer da Comissão de Legislação e Normas (CLN), pela aprovação da minuta, com a inclusão de previsão de avaliação e acompanhamento das formas de ingresso no que se refere a preenchimento de vagas e evasão.


O parecer de vista foi colocado em votação, sendo rejeitado por 32 a 23 votos. Assim, conforme o regimento do Cepe, o parecer da Comissão de Legislação e Normas foi aprovado. A votação foi nominal, a pedido do DCE. Os votos dos conselheiros ficarão registrados em ata.


A reunião foi realizada no auditório do INPE devido à ocupação de espaços no prédio da Reitoria por representantes do DCE. Após a votação da minuta, os conselheiros do DCE se retiraram em protesto.

As mudanças já começarão a valer para o segundo semestre de 2023, com previsão de realização das provas do vestibular e do Processo Seletivo Seriado gradualmente. A implementação completa, com 30% das vagas para o Sisu, 30% para o Vestibular e 40% para a terceira etapa do Processo Seletivo Seriado (acumula nota de três anos de prova dos estudantes do Ensino Médio), só acontecerá no primeiro semestre de 2026.

Como ficam as formas de ingresso na UFSM:

Processo Seletivo Seriado (PSS): o candidato é avaliado em três etapas consecutivas, ao final de cada ano do Ensino Médio, através de provas multidisciplinares anuais, elaboradas no âmbito da UFSM por equipe capacitada, abordando conteúdos previstos em cada um dos três anos do Ensino Médio. Após a implementação completa de três anos (PSS1; PSS2 e PSS3), com o efetivo ingresso do candidato, o PSS representará 40% do total de vagas anuais para os cursos de graduação;

Vestibular presencial: o candidato submete-se a provas multidisciplinares aplicadas anualmente, elaboradas no âmbito da UFSM, abordando os conteúdos previstos para os três anos do Ensino Médio. O ingresso através do Vestibular Presencial representará 30% do total de vagas anuais para os cursos de graduação; Sistema de Seleção Unificado (SiSU): com a implementação gradativa do PSS e vestibular, o SiSU passará de 100% do total de vagas anuais para os cursos de graduação da instituição para 70% nos três primeiros anos de implementação e, ao final da implementação, para 30% do total de vagas anuais para os cursos de graduação; Processo Seletivo Indígena: disponibiliza anualmente vagas suplementares àquelas ofertadas nos demais processos seletivos em cursos de graduação para serem disputadas exclusivamente por estudantes indígenas aldeados residentes no território nacional, para atendimento das demandas de capacitação de suas respectivas sociedades. As vagas ofertadas através deste processo são definidas anualmente em reunião conjunta entre a Prograd e as lideranças indígenas. O conteúdo das provas aplicadas no Processo Seletivo Indígena, além do conteúdo do Ensino Médio, é permeado por elementos de linguagem e cultura indígenas; Processo Seletivo Música e Dança Bacharelado: destinado ao preenchimento das vagas dos cursos de graduação de Dança Bacharelado, Música Bacharelado (opções Instrumento ou Canto), Música Licenciatura e Música e Tecnologia (Bacharelado); Programa de Acesso à Educação Superior na UFSM para Refugiados e Imigrantes em Situação de Vulnerabilidade: poderão ser disponibilizadas vagas suplementares em edital anual específico, respeitados o percentual de até 5% de vagas/semestre dos cursos de graduação e a aprovação do respectivo Colegiado de Curso após prévia consulta realizada pela Prograd; Vestibular EaD, destinado ao preenchimento das vagas dos cursos de Graduação, na modalidade a distância, no âmbito da UFSM; Seleção por Ingresso e Reingresso: Dispõe sobre a oferta de vagas aos cursos de graduação da UFSM nas modalidades de Reingresso, Transferência Interna, Transferência Externa, Portador de Diploma e Reingresso com Transferência Interna, regulado por resolução específica; Processo Seletivo para a Pessoa com Deficiência: diz respeito a candidatos com deficiência que realizaram o Ensino Médio, em parte ou integralmente, em escolas privadas. Tem por objetivo complementar a faixa não abrangida pela Lei 12.711 de 2012 nesta categoria, ofertando vagas suplementares no percentual de até 5% de vagas/semestre do número total de vagas ofertadas em cada curso de graduação da UFSM; Processo Seletivo de ingresso de pessoas transgênero nos cursos de graduação da UFSM, ofertando vagas suplementares no percentual de até 5% de vagas/semestre do número total de vagas ofertadas em cada curso de graduação da UFSM, para pessoas travestis, mulheres transgênero e homens transgênero; Programa Seletivo de ingresso de estudantes medalhistas em competições de conhecimento nos cursos de graduação da UFSM, ofertando vagas suplementares no percentual de até 5% de vagas/semestre do número total de vagas ofertadas em cada curso de graduação; Programa de Ingresso de Atletas de Alto Rendimento nos cursos de graduação da UFSM, ofertando vagas suplementares no percentual de até 5% de vagas/semestre do número total de vagas ofertadas em cada curso de graduação; Programa de Acesso para Pessoas 60 anos ou mais em cursos de graduação da UFSM, ofertando vagas suplementares no percentual de até 5% de vagas/semestre do número total de vagas ofertadas em cada curso; Processo Seletivo de Ingresso para Pessoas de Comunidades Quilombolas em cursos de graduação da UFSM, ofertando vagas suplementares no percentual de até 5% de vagas/semestre do número total de vagas ofertadas em cada curso; Programa Especial de Graduação de Formação de Professores para a Educação Profissional: destinado a seleção de tecnólogos ou bacharéis já graduados, interessados em dedicar-se à docência na Educação Profissional; Processo Seletivo Vagas Complementares ao SiSU, destinado ao preenchimento de vagas oriundas da edição semestral do SiSU/UFSM, com realização a partir do término das chamadas orais da lista de espera do SiSU. Este processo é destinado a pessoas que tenham realizado o ENEM nos últimos cinco anos (pelo menos uma vez de forma completa).

Imagem: Divulgação.

bottom of page