• Da Redação

Crescem as contaminações por Covid-19 em crianças e adolescentes

As mortes de crianças por Covid-19 em crianças ainda são raras, mas os casos vêm aumentando exponencialmente nos últimos meses. Desde março de 2020, 779 crianças com até 12 anos morreram da doença, no Brasil. Deste total, 24% das mortes e 22% das internações aconteceram nos últimos três meses, segundo o DataSUS, o departamento de informática do Sistema Único de Saúde.


No Rio Grande do Sul, já foram 328 internações e 21 mortes de adolescentes entre 16 e 19 anos. Óbitos de menores que esta faixa etária ainda não foram registrados no Estado.


Nesta semana, mais 50 crianças gaúchas estavam internadas em leitos clínicos para tratar do coronavírus, das quais 34 se encontravam em UTI. Segundo o pediatra João Carlos Santana, “Em janeiro, foram 47 pedidos de internação para crianças e adolescentes até 17 anos. Subiu para 67 em fevereiro. São casos cada vez mais graves e isso tem acontecido com a criançada também”, explicou o especialista.


A empresária Ana Cláudia Pires viveu a angústia de ver o filho Ítalo, de seis anos, como paciente de Covid-19. Ele testou positivo há três meses. “Imaginamos que ele teria pego a doença porque outros familiares também haviam contraído”. Ao todo, nove pessoas da família foram contaminadas.


Para ela, “o desconhecido” é o que mais assusta. “Pela experiência que tivemos aqui, cada um teve sintomas diferentes, em momentos diferentes. Quando pensamos que se está melhorando, aparecem novos sintomas”, lembra Ana.


Cada vez mais, a média de idade de pacientes de Covid-19 vem diminuindo. Se, no primeiro ano da pandemia, as atenções se voltavam aos idosos e pessoas com doenças crônicas – comorbidades como diabetes e hipertensão, por exemplo -, os especialistas detectaram que jovens vêm engrossando a lista de internados.


Foto: Fatos 24h


Saiba mais: Além da Covid-19, as crianças podem desenvolver a Síndrome Inflamatória Multissistêmica Pediátrica, um quadro que se desenvolve em pessoas de zero a 19 anos que tiveram Covid-19. Segundo o Ministério da Saúde, as crianças correspondem de 1% a 2% do total de casos e 0,3% do número de mortes. Apenas nos últimos três meses, foram 166 mortes pela doença de crianças em todo o país.


Fonte: Correio do Povo

Banner para site-1.png