• Da Redação

Daer se une à Brigada Militar para fiscalizar transporte de produtos perigosos

O Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer) participou da fiscalização de transporte de produtos perigosos realizada pelo Comando Regional da Brigada Militar (CRBM) na quarta-feira, 19. Ao todo, 40 postos dos Grupamentos Rodoviários realizaram blitze ao longo do dia nas rodovias estaduais em todo o Estado. Os fiscais da autarquia atuaram na ERS-240, próximo ao grupamento de Montenegro, e na ERS-040, junto à praça de pedágio.


Produtos químicos inflamáveis, substâncias tóxicas, gás natural, petróleo e explosivos são exemplos do tipo de mercadoria que foi alvo da operação. “Iniciativas dessa natureza são fundamentais, uma vez que essas cargas representam risco à vida, à saúde, ao meio ambiente e à segurança pública, em caráter mais amplo. É a prevenção e a detecção de irregularidades que minimizam os possíveis danos em caso de acidentes”, destaca o diretor-geral do Daer, Luciano Faustino.


Ao todo, foram abordados 3,6 mil veículos e realizadas 1,6 mil autuações relacionadas a problemas que afetam a segurança na movimentação dos produtos, tais como condições inadequadas no transporte e nos equipamentos de segurança (transportar simultaneamente no mesmo veículo produtos perigosos incompatíveis entre si sem estarem em cofres de carga, transportar produtos perigosos juntamente com gêneros alimentícios, equipamentos de proteção individual vencidos etc.).


“Como sempre, o resultado da integração entre as duas instituições é positivo. Apesar da pandemia, continuamos atuando a fim de cumprir as nossas atividades e, principalmente, as responsabilidades junto aos usuários das rodovias”, reforça o diretor de Operação Rodoviária do Daer, Sandro Vaz dos Santos. Segundo ele, novas inspeções devem ocorrer em 2020 para garantir que em âmbito estadual sejam cumpridas as regras e procedimentos estabelecidos pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).


Foto: Divulgação

Tchê Peq..png