• Da Redação

HCB realizou nesta quarta a 3°captação de órgãos em 2022



A família do paciente cachoeirense Marlon Oliveira de Rosa de 23 anos, autorizou a doação de órgãos após a confirmação da morte encefálica decorrente de um acidente de trânsito. A captação de órgãos foi realizada no HCB nesta quarta-feira, 22 de junho, por uma equipe composta por nove médicos, sendo seis da Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre, três médicos do Hospital de Clinicas e três enfermeiros da OPO7 (Organização de Procura por Órgãos). Foram captados coração, fígado, rins e pulmões.


Esta é a 3° captação realizada pelo hospital em 2022, totalizando 36 captações desde de 2002. De acordo com a enfermeira Vanessa Moura, coordenadora da UTIs e da Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplantes (CIHDOTT)) do HCB, esse ano foram abertos sete protocolos por morte encefálica, onde três familiares se recusaram a doar e uma paciente apresentou parada cardiorrespiratória durante o processo.

Durante todo o ano a CIHDOTT realiza campanhas de conscientização para a importância da doação de órgãos, mas é em setembro, no dia 27, quando comemoramos do Dia Nacional da Doação de Órgãos, que a equipe da comissão realiza blitz e atividades no hospital e para a comunidade. “Salientamos a importância de deixar os familiares cientes do desejo de doação”, ressalta a enfermeira Vanessa. Em setembro o HCB realizará a Semana de Conscientização da Doação de Órgãos e em breve será divulgada a programação das atividades para este ano.

Banner para site-1.png