top of page
  • Foto do escritorDa Redação

Polícia prende mulher no Tibiriçá por estupro de vulnerável em 2016

A Polícia Civil, através da DP de Cachoeira do Sul, prendeu na tarde desta terça-feira, 28 de novembro, no Bairro Tibiriça, uma mulher de 46 anos em cumprimento a mandado de prisão definitiva pelo Crime de Estupro de Vulnerável.


A vítima do abuso sexual é a filha da condenada, que com oito anos em junho de 2016, foi violentada no interior de Cachoeira. A pena aplicada é de 19 anos de reclusão. A Polícia Civil indiciou a mãe por omissão, encaminhando o caso para a Justiça.


Na época o crime foi denunciado para a Polícia, após a criança relatar à Polícia de que estava com dores no corpo, confidenciando para uma professora que havia sido violentada na noite anterior por um tio que morava na mesma casa. Após, relatou que também foi estrupada por um irmão, na época com 14 anos.

Importante: A Polícia Civil não revelou a identificação do indivíduo, conforme o art. 198 da Lei de Execução Penal.


Comments


bottom of page