top of page
  • Lenon Quoos

Prefeitura envia projeto à Câmara para subsidiar reajuste da passagem dos ônibus

Desde a última sexta-feira, 8, ingressou na Câmara de Vereadores de Cachoeira do Sul um Projeto de Lei Ordinária (PLO), de autoria do Poder Executivo. O projeto prevê subsídio tarifário ao transporte coletivo no município pelo período de cinco meses.


O Executivo enviou o projeto ao Legislativo para ser votado em regime de urgência. O documento visa evitar um aumento no valor da tarifa para a população. Isso porque a TNSG entrou com pedido de reajuste da passagem de R$ 5,60 para R$ 6,66 devido aos dois últimos reajustes dos combustíveis.

Para evitar o repasse para os usuários do transporte coletivo, a Prefeitura irá destinar R$ 75 mil reais por mês, nos próximos 120 dias, conforme parecer favorável do Conselho Municipal de Transporte Urbano (CONTURB).


Para que o subsídio entre em vigor, o PL deve ser votado e aprovado pelos Vereadores. Tal medida, é utilizada em outros municípios como Santa Cruz do Sul onde a Prefeitura destina R$ 120 mil reais mês e Porto Alegre onde o valor é de R$ 2 milhões mensais.

Projeto de Lei Ordinária Nº 69/2023

Autoriza a concessão de subsídio tarifário ao transporte coletivo urbano de Cachoeira do Sul.


Autor: Poder Executivo Municipal.

Fonte: Matheus Pessel - Jornalista (MTB 0015700/RS)



Comentarii


bottom of page