top of page
  • Lenon Quoos

Puxado pela soja, crescimento da produção de grãos no RS é estimado em 11,2%

A estimativa para a produção de grãos na safra 2022/23 é 17,4% maior do que a do ciclo passado no Brasil, conforme dados do último levantamento divulgado pela Conab (Companhia Nacional de Abastecimento). A projeção é de um incremento de 47,4 milhões de toneladas neste ciclo, totalizando 320,1 milhões de toneladas colhidas.


O resultado é reflexo da combinação dos ganhos de área e de produtividade das lavouras. Enquanto a área apresenta uma alta de 5% em relação à safra 2021/22, chegando a 78,3 milhões de hectares, a produtividade média registra uma elevação de 11,8%, saindo de 3.656 quilos por hectare para 4.086 kg/ha.


A estimativa de produção no Rio Grande do Sul teve um salto de 11,2%, saindo de um patamar de 26,6 mil toneladas em 2021/22 para 29,5 mil na safra 2022/23. A área destinada para a lavoura no Estado se manteve praticamente estável, passando de 10 milhões de hectares para 10,2 milhões. Já a produtividade teve um crescimento de quase 10%, de 2.637 quilos por hectare para 2.881 quilos por hectare (9,3%).


Um dos destaque é a soja. Os gaúchos aumentaram a área (em hectares) dedicada à lavoura de 6,3 mil para 6,5 mil. A Conab estimou um aumento de 38,6% na produtividade do setor e um salto de 9,1 milhões de toneladas do produto na safra anterior para 13 milhões na safra atual. O Rio Grande do Sul também teve um aumento de 28,6% na produção de milho, passando de 2,9 milhões de toneladas para 3,7 milhões.


O Levantamento da Safra de Grãos da Conab apontou que a produção na Região Sul, como um todo, tem estimativa de crescimento de 24,1% em relação à safra anterior.

Imagem: Reprodução.

Comments


bottom of page