top of page
  • Foto do escritorDa Redação

Cachoeirenses devem R$ 400 milhões de tributos para a Prefeitura

A negociação é sempre a melhor alternativa para evitar que dívidas com a Prefeitura sejam cobradas judicialmente. Pensando nisso, a prefeita Angela Schuh, junto a Secretária da Fazenda, Alana Rauber, definiram nesta semana as primeiras estratégias para apertar o cinto contra os inadimplentes de uma forma que todos saiam beneficiados: a Prefeitura, por aumentar sua arrecadação e os contribuintes, que podem fazer o pagamento de seus débitos de forma administrativa.


A dívida histórica com a Prefeitura com relação a tributos gira na casa dos R$ 400 milhões. Anualmente, somente em IPTU, cerca de 35% a 40% dos valores deixam de entrar nos cofres públicos.


Alana frisa que a pasta está implementando novas ferramentas e criando canais, focando principalmente em lembrar o contribuinte de que existem débitos pendentes com o Município. “Nós não temos o objetivo de fazer cobranças judiciais. Isso deve acontecer como última alternativa. Nossa equipe está focada agora em emitir alertas aos contribuintes, convidando-os a uma negociação”, explica Alana.


WHATSAPP – Uma das ferramentas que foi implementada nesta semana para dar suporte a essa nova estrutura do setor de Dívida Ativa são as mensagens pelo whatsapp. A Secretaria da Fazenda começou nesta quarta-feira a enviar as primeiras mensagens através do aplicativo para contribuintes que possuem pendências.


Alana explica que, na mensagem, o contribuinte é informado que no sistema não foi encontrado pagamento de determinada parcela já vencida e convida o cidadão a regularizar seu débito. “Sabemos que há muitos casos em que as pessoas não pagam até mesmo por esquecimento. Ao serem alertados, muitos já buscam a regularização na mesma hora”, justifica a secretária.


Através do whatsapp, os servidores podem até mesmo gerar novas guias e enviar ao contribuinte (pelo app ou por e-mail), evitando que seja necessário se deslocar até a Secretaria da Fazenda.


Ferramentas usadas pela Secretaria da Fazenda para apertar o cinto contra os devedores:


- Whatsapp

Envio de mensagens de texto através do aplicativo aos contribuintes que têm pagamentos vencidos


- Cartas

Envio de carta ao endereço registrado pelo contribuinte, dando prazo para regularização do débito antes da emissão do Certificado de Dívida Ativa (CDA), uma judicialização, envio para protesto ou registro no SCPC


- Regularização de dados

O setor de Dívida Ativa está fazendo um trabalho de organização de inconsistência de dados, atualizando documentos, endereços e demais dados cadastrais para melhor localização dos contribuintes.


Uma pergunta

Como posso entrar em contato com o setor de Dívida Ativa?

O contribuinte pode entrar em contato através das seguintes formas:

- Fone/whatt: 51.37246047

- Endereço: Rua Moron, n° 1013, Centro - De segunda a sexta, das 8h30min às 11h3min e das 13h30min às 17h

Fonte: Secretaria da Fazenda


Importante

O setor de Dívida Ativa só realiza o contato pelo whatsapp através do número 51-37246047. Se qualquer outro número entrar em contato o contribuinte deve desconsiderar.


Texto e foto: Patricia Miranda

Comments


bottom of page