top of page
  • Foto do escritorDa Redação

Prefeitura dá um passo atrás e nomeará somente 2 monitores e não 16 como anunciado

A Prefeitura Municipal, através da Secretaria Municipal de Educação (SMEd) não nomeará mais os 16 monitores para atuarem nas escolas da rede municipal de ensino de Cachoeira do Sul, como havia sido autorizado e anunciado pela prefeita Angela Schuh no último dia 26 de janeiro. Os monitores chamados seriam da lista do último concurso realizado para preencher vagas na Secretaria Municipal de Educação e substituir servidores que se aposentaram.


No entanto, o Tribunal de Contas do Estado (TCE) emitiu uma orientação, que por o Município se encontrar em sinal de alerta pelo limite prudencial da folha de pagamento em 52%, a única possibilidade de ressalva para o chamamento de novos servidores são para suprir casos de aposentadorias e não pelas exonerações ocorridas.


Portanto, como só houveram duas aposentadorias, o Executivo poderá nomear apenas dois neste momento. Caso o limite baixe no próximo quadrimestre, e se aposentar mais alguém, outros servidores poderão ser chamados, além destes dois.

O edital de convocação já foi passado pela SMEd e pela Secretaria Municipal de Administração, e deve ser divulgado até essa quarta-feira, 13 de março, com o chamamento destes dois profissionais.


ENTENDA

A SMEd tem uma vasta lista de pedido de monitores para auxílio às crianças com algum tipo de deficiência ou transtorno, especialmente TEA, e prioriza aquelas que possuem limitação para locomoção, alimentação e higiene. Outros casos, de menor gravidade, são atendidos por monitores que não são exclusivos da criança.

Primeiramente, a Prefeitura havia aberto um chamamento para profissionais voluntários. No entanto, foi cancelado logo em seguida.

Imagem: Arquivo.

Commenti


bottom of page